Linkedin para advogados: 5 dicas para aumentar sua autoridade no digital
loader-logo

Morgana Alencar

Avatar
Advogada, Membro da Comissão Especial de Direito Digital da OAB/SP e escritora 

Linkedin para advogados: 5 dicas para aumentar sua autoridade no digital

Turivius: sua nova forma de fazer pesquisa jurisprudencial tributária

O Linkedin consiste na maior rede social profissional do mundo, contando com 46 milhões de usuários no Brasil

Segundo estudo realizado pelo Hubspot, essa é a rede com maior potencial de conversão, sendo considerada 277% mais eficaz para a geração de leads (oportunidades de negócio) que o Facebook e o Twitter. 

Sendo assim, não há dúvidas de que a participação ativa de advogados no Linkedin contribui com o ganho de visibilidade e autoridade no digital, sendo uma ótima oportunidade para profissionais que desejam marcar sua presença online e conquistar mais clientes. 

Acompanhe o artigo abaixo e veja 5 dicas para aumentar a visibilidade do seu perfil e sua autoridade no setor jurídico. 

Leia também:

Marketing jurídico: 5 dicas práticas de como utilizá-lo no seu escritório de advocacia

Linkedin para advogados: 5 dicas para aumentar sua autoridade

1) Perfil profissional completo (e atualizado!)

Por mais simples que seja, a primeira dica quando consideramos uma estratégia de marketing jurídico para Linkedin é a manutenção de um perfil atualizado.

Garanta que o seu perfil possui uma foto sua com boa resolução, cursos realizados, especializações, experiências e habilidades profissionais que impactam no serviço jurídico prestado. 

Além disso, logo abaixo do campo sobre, você poderá promover seu trabalho adicionando publicações, documentos, mídias e sites relacionados à sua experiência profissional. 

Aproveite esse espaço para vincular ao seu perfil, por exemplo, artigos ou entrevistas que contaram com a sua participação e foram publicados por terceiros. 

Já o uso de palavras-chave no seu perfil é uma forma de facilitar que a sua página apareça nos resultados de busca (do próprio Linkedin, do Google, etc). 

Assim, ao utilizar palavras-chave que façam sentido para o seu negócio, você contribui para o crescimento de acessos ao seu perfil.

Se você é um advogado tributarista, por exemplo, deixe claro no seu perfil que essa é a sua especialidade, contribuindo para que usuários interessados de alguma forma em Direito Tributário cheguem até a sua página com mais facilidade.

Ou seja, as palavras-chave devem ser usadas de forma estratégica, de acordo com o ramo do Direito em que você deseja demonstrar sua autoridade.

Vale destacar, também, que outra forma de aumentar os acessos na sua página é através da personalização da sua URL. Veja aqui o passo a passo de como personalizar a sua. 

E, para finalizar a construção do seu perfil, uma dica extra é a personalização também da capa do seu Linkedin. 

Observe abaixo o exemplo da página da Turivius

Você pode deixá-la com uma identidade visual compatível com a página do seu escritório, por exemplo. 

E, caso você não conte com o auxílio de um designer profissional, uma ferramenta gratuita e de fácil uso para a criação da sua capa e outras artes para o seu escritório de advocacia é o Canva

Vale a pena testar!

Faça conexões estratégicas

Quando comparado a outras redes sociais como Instagram e o Facebook, no Linkedin você encontra pessoas ainda mais dispostas a conversar sobre negócios. 

Além de buscar se conectar com aquelas pessoas com quem tenha estudado ou trabalhado anteriormente, concentre-se também em fazer conexões novas e estratégicas.

Exemplo disso seria buscar conexão com aqueles profissionais cujo trabalho você admira, perfis pessoais ou empresariais que correspondam ao cliente considerado ideal para seu negócio e, ainda, possíveis parcerias de trabalho. 

Participe também de grupos que possuam relação com a sua carreira, uma excelente oportunidade de se manter atualizado sobre temas do seu interesse e seguir ampliando sua rede de conexões.

Tenha sempre em mente que o networking consiste em um dos principais recursos que o Linkedin agrega para advogados, sendo uma forma de conquistar indicações para o futuro, manter-se atualizado sobre as novidades da profissão, com o compartilhamento de cursos, eventos jurídicos, etc.

Ou seja, ao fazer novas conexões no Linkedin, busque contatos que sejam relevantes para o seu nicho de atuação e contribuam para o aumento da sua autoridade.

3) Produção estratégica de conteúdo

Uma produção estratégica de conteúdo vai muito além de marcar presença no Linkedin compartilhando notícias de sites jurídicos ou divulgando sua participação em eventos da área. 

É preciso investir na publicação consistente de conteúdos atrativos que estejam inseridos em um contexto e que gerem valor para as suas conexões.

Evite debates que giram em torno de polêmicas políticas ou que não possuam embasamento jurídico. 

Ao se posicionar na rede, lembre-se que o seu diferencial é a sua opinião jurídica sobre os temas compartilhados e que um conteúdo acessível e claro pode conquistar muito mais que aquele que exagera no formalismo ou juridiquês. 

Ser consistente significa publicar de 3 a 4 vezes por semana, de forma que os algoritmos do Linkedin percebam o seu perfil como participativo, que constantemente entrega valor para sua audiência e que, portanto, merece ter maior alcance das suas publicações. 

Outro ponto que deve ser levado em consideração é a sua pauta de publicações. 

Sim, todo dia há uma infinidade de notícias interessantes para o meio jurídico e temas controversos que podem ser discutidos. 

Porém, é preciso ponderar: esses assuntos são realmente relevantes para o seu público? 

Quais serviços são oferecidos pelo seu escritório de advocacia e em qual setor (ou setores) você quer demonstrar sua autoridade? 

Escolha até duas ou três áreas do Direito que são do seu interesse e passe a se posicionar como especialista nelas. 

Quem fala sobre muitos assuntos, acaba não se posicionando como autoridade em nenhum deles.

Por isso, ao produzir conteúdo, opte por assuntos que têm mais chances de interessar ao cliente que você deseja atrair para o seu escritório. 

Leia também para mais dicas de produção de conteúdo para advogados:

Jornada do cliente na advocacia: entenda como funciona e comece a aumentar sua receita

4) Marketing de conteúdo em diversos formatos

Além da produção estratégica de conteúdo, aproveite os diversos formatos disponibilizados no Linkedin, de modo a utilizar aquele que for melhor a depender do objetivo de cada conteúdo. 

Alguns dos formatos que você pode testar: artigos, posts, live, stories, vídeos e imagens. 

Artigos permitem que o autor aprofunde em determinado tema, uma vez que não há um limite como nos caracteres. Por sua vez, posts são os conteúdos resumidos e mais curtos, que ficam disponíveis na timeline e devem respeitar o limite de 1.300 caracteres. 

Vale destacar que uma dúvida muito comum àqueles que estão começando a produzir artigos com foco em marketing de conteúdo é se há uma quantidade ideal de palavras a serem utilizadas. 

Aqui é importante responder que não há. 

Muito mais importante que a quantidade de palavras é o seu comprometimento com o leitor de responder às perguntas que foram propostas no título ou no início do seu artigo. 

Por isso, esteja atento à qualidade e relevância do seu conteúdo, esses fatores importarão bem mais que a quantidade de palavras escritas. 

5) Otimize a pontuação do seu perfil – SSI 

O Linkedin possui a página Social Selling Index que tem por escopo informar a nota do seu perfil, comparando com outras páginas do mesmo setor e com aquelas que são suas conexões. 

Ao acessá-la, você poderá ter dicas do que pode ser otimizado na sua página a partir dos componentes levados em consideração pela plataforma, quais sejam: estabelecer sua marca profissional, localizar as pessoas certas, interagir oferecendo insights e criar relacionamentos.

Monitore o seu perfil e compare com outras páginas do seu setor:

Veja aqui qual a pontuação do seu perfil

Conclusão

No artigo de hoje vimos diversas dicas de Linkedin para advogados e que devem ser colocadas em prática o quanto antes. 

Como os números comprovam, o Linkedin é uma rede social profissional que possui um futuro promissor, sendo de extrema importância para a sua autoridade como profissional garantir sua participação ativa, compartilhando conhecimento e ampliando sua rede de contatos. 

Leia também:

Instagram para advogados: 6 dicas para crescer profissionalmente nas redes sociais

Como captar clientes na advocacia trabalhista

————————

A Turivius é uma startup jurídica que oferece soluções de pesquisa jurisprudencial e jurimetria integrada para advogados(as). Nossa missão é transformar a inovação e tecnologia em valor agregado aos seu serviços jurídicos, contribuindo para a produtividade em escritórios de advocacia e departamentos jurídicos.

Quero conhecer a Turivius!

Inscreva-se para receber notícias

Não perca nenhuma notícia publicada no blog da Turivius!

Turivius: sua nova forma de fazer pesquisa jurisprudencial tributária

Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on email

Publicações Relacionadas